Dicas para comprar carro em leilão do DETRAN MG

Carros leiloados pelo DETRAN MG podem ser uma boa alternativa para quem tem dinheiro em mãos e pouca pressa. Mas para que a compra seja, de fato, vantajosa, você precisa tomar alguns cuidado.

Comprar carro em leilão do DETRAN é uma prática cada vez mais comum para quem entende do negócio. A maior vantagem, sem dúvida, é o baixo preço. Há casos de pessoas que conseguiram fazer bons negócios com descontos de até 60%. Mas é preciso ficar atento.

Apesar da maioria dos carros oferecidos terem boa procedência, há também carros que são originários de roubos e até mesmo de sinistros. Nestes casos, o investimento no carro vai além do valor oferecido para arremate já que será preciso fazer pequenos consertos.

Leilão DETRAN MG

Quais Carros vão a Leilão no DETRAN MG?

Um carro pode ser leiloado por diversos fatores como documentação insuficiente, falta de pagamento das prestações do veículo, roubos, sinistros ou até mesmo se o dono do carro for pego dirigindo embriagado. Ao serem apreendidos, os carros são levados para os pátios do DETRAN MG. Se os donos não procurarem pelo carro em um prazo máximo de 90 dias, os carros podem ser leiloados. Ou seja, são vendidos a um preço bem mais barato que seu valor original.

O dia do leilão é informado pelo leiloeiro em seu site e, os interessados em adquirir o veículo, fazem seus lances. Quem fizer o maior lance, leva o carro. Algumas leiloeiras abrem as portas do seu pátio um dia antes da abertura do leilão para que você possa ver de perto o carro ofertado. Mas lembre-se, não é possível ligar nem fazer test drive no veículo, por isso é importante que você leve um mecânico de sua confiança.

O leilão é um evento público e podem participar tanto pessoas físicas quanto jurídicas. Tem duração de aproximadamente quatro horas e apenas na modalidade de leilão online é possível fechar o negócio pela internet.

Forma de Pagamento no Leilão do DETRAN

Ao dar os lances é importante que você realmente tenha o dinheiro reservado, isso porque o pagamento é feito a vista. É preciso pagar uma taxa de 5% do lance para o leiloeiro e outra administrativa no valor de R$ 300. Além disso, as taxas referentes a transferência do veículo para seu nome também são suas. Geralmente, os carros de financeiras estão com a documentação em dia, o que inclui o IPVA, licenciamento, multas quitadas e até o Seguro Obrigatório (DPVAT), mas em outros casos pode ser que você tenha que arcar também com estas despesas. Lembre-ser que as taxas de reboque e diárias do depósito não devem ser pagas por você e sim pelo dono do veículo.

Dicas para se dar Bem no Leilão do DETRAN MG

Consertos sem dor de cabeça

Você também precisa ter em mente que, geralmente, os carros que vão a leilão, possuem pequeno danos. Isso significa que, não basta você ter o dinheiro para a compra do carro, é preciso ter o dinheiro para eventuais reparos.

Peça Ajuda a um Mecânico

Os carros que vão a leilão não podem ser ligados, por isso, a chance de você comprar um carro que não funciona existe. Peça a ajuda de um mecânico de sua confiança para examinar o carro junto com você. Um bom profissional consegue, apenas com os olhos, identificar grandes problemas nos carros, além disso, ele poderá lhe dizer se realmente vale a pena comprar o carro que você deseja.

Fique Atento aos Detalhes

Ao examinar o carro que irá para o leilão, verifique como estão o estado dos pneus, lataria, vidros, pintura, chassi e demais acessórios. Esta análise é importante porque nem sempre é possível ver o carro no dia do leilão.

As Dívidas Não são Suas

Ao comprar um carro em leilão saiba que as dívidas que o carro já possui não são suas. Aliás, o valor pelo qual o veículo foi arrematado será utilizado pelo leiloeiro para quitar estas dívidas. Isso significa que você comprará o carro sem dívidas! Fique atento a qualquer ação fora disso, já que esta situação está prevista em lei, de acordo com o artigo 328 do Código de Trânsito Brasileiro.

Carro Leiloado Deve ter Seguro

Muitas seguradoras se recusam a fazer seguro de carros provenientes de leilão. Isso acontece porque alguns carros foram recuperados de roubos ou sofreram colisão. Saiba que esta prática é ilegal e configura prática abusiva, segundo o artigo 39 do Código de Defesa do Consumidor. A empresa seguradora só pode recusar fazer seguro de um automóvel depois de ter feito a vistoria no veículo e, ainda assim, precisará justificar de forma plausível os motivos pelos quais não poderá segurar o carro. Se a empresa aceitar fazer o seguro, ela não pode cobrar valores desproporcionais apenas porque o veículo é proveniente de leilão, sob pena de cometer cobrança abusiva.

Conheça a Empresa Leiloeira

Outra dica importante para quem deseja comprar carros via leilão é conhecer a empresa que está promovendo o evento. Consulte o site e visite a empresa para conhecer sua idoneidade. Isso te dará mais segurança.

Saiba o Valor do Carro

Antes de partir para o leilão, faça uma pesquisa de mercado e cotação dos preços dos modelos que lhe interessam. Calcule os preços os carros e acrescente no valor as despesas obrigatórias. Só assim você saberá se para você compensa comprar um carro novo ou um leiloado. Não se esqueça de definir qual será o valor do seu lance.

Carro Leiloado Não tem Garantia

É importante que você saiba que as leiloeiras não oferecem garantias ao arrematador em caso de carros com problemas. Por isso, neste caso, você deverá buscar a origem do carro. Se o veículo pertencia a uma financeira, por exemplo, ela deverá arcar com os custos de eventuais consertos.

Cadastre seu e-mail no campo abaixo para receber as novidades:

Comments
  1. vilson mendonça
    • Antonio Claret de Carvalho
  2. Henrique
  3. wesley zonzin
  4. Anderson Silva
  5. Tarcísio Silvério
  6. Henrique
  7. juninho
  8. MARCOS

Faça um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *