Licenciamento de Veículos 2014

O Licenciamento é o documento que certifica que seu veículo está em dia com suas taxas. Pagamento deve ser feito junto com o DPVAT.

O Certificado de Registro e Licenciamento de veículos (CRLV) é um documento de registro e identificação do veículo que tem seu porte obrigatório pelo condutor. Este documento deve ser renovado anualmente por todos os proprietários de veículos automotores. Isso é feito para que o veículo esteja em condições legais de circulação.

Veja também:

Licenciamento 2014 MG

Valor da Taxa de Licenciamento (TRLAV)

O Licenciamento é realizado automaticamente, sempre que o condutor quita todas as suas obrigações anuais. Isso significa estar com o seguro obrigatório e multas pagas, por exemplo. O valor da taxa de licenciamento - TRLAV é divulgado sempre no início de cada ano, mas o valor gira em torno dos R$70, sendo bastante acessível. Os pagamentos são feitos de acordo com os finais das placas dos veículos.

Desta forma, carros e motos com finais 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9 e 0 devem pagar a taxa de licenciamento nos meses de abril, maio, junho, julho, agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro, respectivamente. Os caminhões com placas de finais 1 e 2, tem vencimento em setembro, com finais 3, 4 e 5 em outubro, 6, 7 e 8 em novembro e finais 9 e 0 em dezembro.

O pagamento da taxa de licenciamento deve ser feito em qualquer rede credenciada como os bancos Itaú, Bradesco, Banco do Brasil, Mercantil do Brasil, Bancoob, Caixa Econômica Federal e nas casas Lotéricas. No momento do pagamento da taxa de licenciamento você deve apresentar também o documento do carro e os comprovantes de que está em dia com IPVA e do DPVAT.

Vale lembrar que, assim como o vencimento do IPVA e do DPVAT, a taxa de licenciamento tem prazo para ser paga, conforme datas estipuladas pela Secretaria de Estado da Fazenda (SEF). O valor é válido para regularizar o veículo durante o ano corrente. Depois de efetuado o pagamento, o CRLV é enviado, via Correios, para o endereço que consta o registro do veículo.

O não pagamento da taxa de licenciamento acarreta consequências graves como a apreensão do veículo, multa e sete pontos na carteira. Por isso é essencial o pagamento da taxa na data estabelecida. Lembre-se que, para ter o CRLV também é preciso estar com as multas quitadas. Se o modelo do seu carro é antigo, também será necessário estar em dia com a Inspeção Ambiental, não ter restrições judiciais e ainda que o cadastro de seu endereço atual seja o mesmo do veículo para ter o documento.

Para começar o ano sem dívidas

A melhor forma de começar o ano com o pé direito é ficar atento as datas de pagamentos dos impostos dos veículos para não ter que pagar juros por atraso. Além disso, vale pensar sobre se é mais vantajoso pagar os impostos a vista ou parcelado.

Uma dica dada pelos especialistas é reservar o 13º salário para o pagamento destas taxas do início do próximo ano, bem como negociar tudo o que puder. Afinal de contas, com dinheiro na mão, o poder de barganha é muito maior. Mas em casos em que o parcelamento é a opção, faça prestações das quais consiga pagar e que este valor não comprometa seu orçamento. As vezes, é melhor pagar por mais tempo valores menores do que ficar sufocado por pouco tempo, mas com dívidas com valor muito extenso.

No caso do IPVA 2014, por exemplo, que pode ser pago parcelado, o condutor deve verificar se o desconto é maior ou menor do que o rendimento da poupança, caso o dinheiro estivesse aplicado. Se o desconto for maior do que o rendimento, é melhor pagar à vista. Se for menor, é melhor pagar parcelado. Isso significa que, nos estados em que o desconto para pagamento à vista é de R$3% ou menos, como é o caso de Minas Gerais, vale parcelar o IPVA, já que o rendimento da poupança chega a 1%.

Nos estados em que o desconto é de 5% ou mais, é mais vantajoso pagar a vista, já que é bem difícil encontrar uma rentabilidade de poupança com este valor.

Em Minas Gerais, a primeira parcela do IPVA 2014 vence no dia 15 de janeiro, referente aos veículos com placas de final 1. Os pagamentos do IPVA 2014 das placas de final 2 serão feitos no dia 16. A escala acaba com o número 0, no dia 28 do mesmo mês.

Já o seguro DPVAT e o licenciamento devem ser pagos juntos, de acordo com as terminações das placas dos veículos. Lembrando que, para que o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) seja emitido, as três taxas devem estar quitadas.

Cadastre seu e-mail no campo abaixo para receber as novidades:

Faça um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *