Datas de Vencimento: IPVA, Licenciamento e DPVAT 2018 em MG

A primeira parcela vence já no dia 15 para carros com final 1. O não-pagamento do IPVA nos prazos estabelecidos gera multa de 0,3% ao dia. O pagamento do DPVAT deve ser efetuado junto com a parcela única ou a primeira parcela do IPVA

Começo de ano é sempre a mesma coisa: muitas contas para pagar! Para não começar o ano no vermelho é preciso se organizar, mais que isso, para evitar o pagamento de juros extras por ter perdido a data de pagamento é preciso colocar no calendário os vencimentos das contas para que você pague no dia certo.

O IPVA, por exemplo, tem sua primeira parcela vencendo já no próximo dia 15, para os carros com finais 1. Há possibilidade também de parcelamento em três vezes, com vencimentos nos meses de janeiro, fevereiro e março. Mas mesmo antes desta data, você já pode quitar o imposto à vista. Quem decidir antecipar o pagamento terá 3% de desconto.

Datas de Vencimento IPVA, DPVAT, Licenciamento

Para consultar o valor do IPVA basta acessar o site da Secretaria de Estado da Fazenda (www.fazenda.mg.gov.br) e inserir o número do Renavam no local indicado. A consulta também pode ser feita marca e modelo do carro pelo telefone 155. Porém, a emissão da guia para pagamento do IPVA 2018 só pode ser feita pelo site da SEF, nas repartições Fazendárias e Unidades de Atendimento Integrado (UAI), onde serão acrescidas da Taxa de Expediente.

Neste ano há uma novidade no sistema de consultas do IPVA: um aplicativo gratuito para smartphones e tablets, está disponível, para sistemas Android e permite a consulta do valor do IPVA, da taxa de licenciamento e outras informações relacionadas ao registro de veículos automotores. Para ter acesso, basta baixar o aplicativo IPVA MG.

Veja aqui mais informações sobre IPVA 2018

O pagamento deve ser feito nos bancos do Brasil, Mais BB, Banco Postal, Bradesco, Itaú, Bancoob, Mercantil do Brasil, HSBC, Caixa Econômica Federal, casas lotéricas e Santander. O não-pagamento do IPVA nos prazos estabelecidos gera multa de 0,3% ao dia (até o 30º dia), multa de 20% após o 30º dia e juros (Selic) calculados sobre o valor do imposto ou das parcelas.

Datas de Vencimento do IPVA

O IPVA de veículos movidos exclusivamente a álcool tem um desconto de 30% em relação ao mesmo veículo movido a gasolina. Em ambos os casos, o imposto pode ser quitado em cota única ou em três parcelas iguais e consecutivas em janeiro/fevereiro/março. O prazo para pagamento à vista com desconto de 3% ou da primeira parcela é de 15 a 28 de janeiro.

Veja a escala de vencimentos:

 

 

Placas de final

1ª parcela ou cota única

2ª parcela

3ª parcela

1 e 2

10/01/2018

15/02/2018

15/03/2018

3 e 4

11/01/2018

16/02/2018

16/03/2018

5 e 6

12/01/2018

19/02/2018

19/03/2018

7 e 8

15/01/2018

20/02/2018

20/03/2018

9 e 0

16/01/2018

21/02/2018

21/03/2018

Data de Pagamento da Taxa de Renovação do Licenciamento

Também deve ser pago neste início de ano a Taxa de Renovação do Licenciamento Anual de Veículo (TRLAV), em cota única no valor de R$75,19. O vencimento se dá no dia 31 de março, mas também já pode ser quitada antecipadamente.

Veja mais sobre Licenciamento 2018 aqui: Licenciamento de Veículos 2018

Datas do Pagamento do DPVAT

O pagamento do DPVAT deve ser efetuado junto com a parcela única ou a primeira parcela do IPVA. Para pagar o DPVAT 2018 acesse o site do Detran MG e retire a guia para pagamento. Você também pode retirar a guia para pagamento nos bancos credenciados: Banco do Brasil, Bancoob, BMB, Bradesco, Caixa/CEF, HSBC, Itaú, Santander ou Safra.

O Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT) é pago ao acidentado ou a seus familiares em casos de morte, invalidez permanente e para o pagamento de despesas médicas, desde que dano causado tenha sido em território nacional.

Veja mais sobre DPVAT: Saiba mais Sobre DPVAT MG 2018

O DPVAT é mais uma segurança para o motorista e seus passageiros, por isso, seu pagamento é obrigatório. Quem não paga o seguro não é considerado devidamente licenciado para efeitos de fiscalização, estando sujeito às penalidades previstas na legislação.

O Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT) para 2018 não teve reajuste nos valores. Desta forma, os mesmos valores praticados neste ano, também valem para 2018.

  • Automóveis e camionetas particulares / oficial, missão diplomática, corpo consular e órgão internacional – categoria 1 : 105,65
  • Táxis, carros de aluguel e aprendizagem – categoria 2: valor R$ 105,65
  • Ônibus, micro-ônibus e lotação com cobrança de frete (urbanos, interurbanos, rurais e interestaduais) – categoria 3: valor R$ 396,49
  • Micro-ônibus com cobrança de frete, mas com lotação não superior a 10 passageiros e Ônibus, micro-ônibus e lotações sem cobrança de frete (urbanos, interurbanos, rurais e interestaduais) – categoria 4: valor R$ 247,42
  • Motocicletas, Motonetas, Ciclomotores e similares – categoria 9: valor R$ 292,01
  • Caminhões, caminhonetes tipo “pick-up” de até 1,5 KG de carga, máquinas de terraplanagem e equipamentos móveis em geral (quando licenciados) e outros veículos – categoria 10: valor R$ 110,38

Cadastre seu e-mail no campo abaixo para receber as novidades:

13 Comments

Leave a Reply
  1. eu nao concordo com o valor que pagamos do seguro de moto
    esta justificativa e injusta e absurda.
    quando que tem um acidente com moto, sempre tem um ou mais outro tipo de veicolo
    se aulgem ai seber pra que serve o licinciamento pois isto roubar e diser que tem maos limpa
    si e fiscalizaçao e mentira pois nunca tem isto aqui.
    mas eu sei que nao terei respostas,no brasil voce te direito e deveres =OBRIGAÇOES
    obrigado disabafei

    • É verdade, você sabia que em caso de acidente você tem seus direitos? – Lei: Instituído pela Lei nº 6.194 de 09 de dezembro de 1974, o DPVAT garante a indenização por morte, invalidez permanente e despesas médicas a todos os envolvidos em um acidente de trânsito, sejam pedestres, pessoas transportadas em outros veículos, passageiros do veículo causador do sinistro, condutores, mesmo que proprietários, e dependentes.
      Caso isto não ocorra entre no Juizado de pequenas causas, demora, talvez seus netos ou bisnetos, mas já valeu a pena. Se todos fizerem isso nossos representantes do poder público tomam vergonha e fazem alguma coisa.

  2. Até quando posso rodar com o carro com final 9 na placa sem pagar documentos para não ter apreensão do veiculo, pois estou vendendo o mesmo e não quero pagar esta despesa.

  3. paguei IPVA seguro e taxa em janeiro a vista.Atá o momento nào recebi o documento reeferente o exercício de 2014

  4. Sugestão,
    uma vez que são irredutíveis no quesito abaixar o valor do DPVAT, ao menos poderiam parcelar esse valor, uma vez que a classe dos motociclistas são compostas na grande maioria por pessoas que ganham salário minimo, e o governo não pode comprometer 50% da renda desse contribuinte, desse cidadão por conta de um imposto, por mais “maravilhoso” que esse imposta seja. O governo Brasileiro, precisa trabalhar para a população e não contra ela, como vem fazendo, espero que alguém com poder de decisão, veja esse texto e se importe um pouco, porque essa classe de motociclistas, é composta por muitas pessoas, hoje independentes e talvez desorganizadas, mas estamos insatisfeitos, e esse sentimento uni pessoas e vai fazer a diferença.

    “Quando as pessoas temem o governo, isso é tirania. Quando o governo teme as pessoas, isso é liberdade.”
    ―Thomas Jefferson

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + dezenove =

Telefone do DETRAN MG

DETRAN MG – Telefone de Atendimento

consulta pontos da cnh

Consulta de Pontos da CNH – DETRAN MG